“Não sejais como o cavalo ou a mula, sem entendimento, os quais com freios e cabrestos são dominados, de outra sorte não te obedecem”
Salmos 32:9


Somos exortados pela Palavra de Deus a não sermos parecidos com o cavalo e nem com a mula. Por que? Quais são as principais características desses animais?

O cavalo é “estourado”. Basta um leve susto e ele dispara a toda velocidade podendo derrubar seu cavaleiro e até cair em um precipício. Irrita-se com facilidade e quando isso acontece distribui coice pra todo lado. Sempre quer chegar primeiro e às vezes torna-se estúpido com os companheiros.

A mula é “empacada”. Quem nunca ouviu a expressão: “teimoso feito uma mula”? Quando ela cisma com alguma coisa, não adianta insistir. Também é muito lenta e faz tudo como que arrastando, com uma expressão de desânimo.

Mas os dois animais tem algo em comum, pelo texto bíblico: não têm entendimento. Para obedecerem precisam ser dominados com freios e cabrestos.
Como tem sido nossa vida diante de Deus, da Igreja e dos nossos irmãos? Será que temos sido precipitados no agir e no falar? Temos distribuído “coices”, sendo indelicados e estúpidos? Temos sido teimosos e insubmissos? Temos insistido em que as coisas sejam feitas sempre do nosso jeito?

Precisamos saber que Deus tem suas maneiras de frear nossa precipitação e teimosia oriundas da falta de entendimento. E os “freios e cabrestos” de Deus visando nossa obediência podem ser bem desconfortáveis para nós. Pensemos nisso!

nãotemossidonossadeuscavalo

João Misael Pagliarin

A palavra de Deus tem poder para curar, salvar, libertar os cativos.

0 Comentários

Escreva o seu comentário

Sem foto

Você pode gostar


Ilustrações

Águas que saram

As águas podem salvar ou matar... só depende de você!

por João Misael Pagliarin

Ilustrações

O passarinho e a oração

Você já viu um passarinho dormindo num galho ou num fio, sem cair? Como é que ele consegue isso? Se nós tentássemos dormir assim, iríamos cair e quebrar o pescoço.

por João Misael Pagliarin