Preste atenção na “Lei da Semeadura e da Colheita”, ensinada na Palavra de Deus:

“NESTA VIDA SE COLHE AQUILO QUE SE PLANTA”, ou seja, o que pensamos, a nossa postura nesta vida, irá interferir na semeadura que fazemos. De acordo com esta semeadura, nós colheremos, o bem, ou o mal, segundo a espécie da semente que tivermos plantado.

A conhecida “Lei do Retorno”, diz que: - AQUILO QUE QUEREMOS QUE RETORNE PARA NÓS, É A SEMENTE QUE DEVEREMOS PLANTAR, ou seja, toda ação corresponde a uma reação igual, em sentido contrário. Esses princípios ou leis são aplicáveis a todas as áreas da vida: financeira; emocional; sentimental (relacionamentos); saúde, etc.

Principios:

  1. Para colher abundantemente é preciso primeiro arar a terra e semear as sementes;
  2. Deixar claro que há um longo tempo de espera, entre a semeadura e a colheita;
  3. Faz saber que, nem todas as sementes prosperarão, umas cairão à beira do caminho, e serão comidas por pássaros; outras cairão entre espinheiros, e serão sufocadas; outras cairão sobre pedras, secarão, e morrerão; só frutificarão as sementes que caírem em boa terra;
  4. Na semeadura feita com base nos princípios da Palavra de Deus, a crença numa boa colheita é consistente; a fé é depositada unicamente em Deus;
  5. É Deus quem trabalha a favor do semeador. Deus dá ao semeador: a terra, a semente, o sol, a chuva que rega a terra, e faz nascer a semente; afasta as pragas, os gafanhotos devoradores, as calamidades, dá o crescimento à semente, e multiplica abundantemente a colheita.

Cremos que é Deus quem realiza em nós, tanto o querer como o efetuar. Ele é o nosso Pai Celestial, Senhor e Provedor das nossas vidas, porém, temos que fazer a nossa parte, como ter um comportamento positivo, confiando na Palavra de Deus, e trabalhar muito, com afinco e dedicação.

Vejamos alguns textos bíblicos que embasam o que estamos afirmando:

  • A Parábola do Semeador principia assim: “Eis que o semeador saiu a semear...”; Mateus 13:3
  • “Semeia pela manhã a tua semente, e à tarde não repouses a tua mão, porque não sabes qual prosperará; se esta, se aquela, ou se ambas igualmente serão boas”. Eclesiastes 11:6
  • "E isto afirmo: Aquele que semeia pouco, pouco também ceifará; e o que semeia com fartura, com abundância também ceifará”. II Coríntios 9:6
  • “E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos”. Gálatas 6:9

Com relação aos pensamentos negativos, devemos sim evitá-los:

“Porque, como imagina em sua alma, assim ele é”. Provérbios 23:7

“Porque aquilo que temo me sobrevém, e o que receio me acontece”. Jó 3:25.

Nossos pensamentos e sentimentos são refletidos em nossas vidas - eles criam as circunstâncias que nos cercam. Precisamos sim evitar os maus pensamentos e sentimentos, e abraçar os bons em seu lugar.

Finalizando, "O Segredo" para a prosperidade está na Bíblia!

sucessosemeaduranãoaquilocairãopensamentosdeusserãosementepalavracomo

João Misael Pagliarin

A palavra de Deus tem poder para curar, salvar, libertar os cativos.

0 Comentários

Escreva o seu comentário

Sem foto

Você pode gostar


Estudos Bíblicos

O segredo da prosperidade

Ezequias foi um bom rei, um homem reto. Agradou ao Senhor e a conseqüência disso: Deus o fez prosperar. Tudo o que fazia, para onde ele saia ou ia, Deus abençoava a Ezequias.

por João Misael Pagliarin

Estudos Bíblicos

Um sogro como este

Longe de ser motivo de chacotas e brincadeiras, para muitos a figura do sogro é o pai que não se tem mais.Moisés teve que reconhecer que o seu sogro Jetro foi de excelente valia para seu ministério.

por João Misael Pagliarin